Arquivo Multimeios

Registros únicos da produção teatral da cidade serão digitalizados

Com o apoio do Programa de Ação Cultural da Secretaria da Cultura e Economia Criativa do Governo do Estado de São Paulo, a AACCSP e o Centro Cultural São Paulo irão digitalizar dois importantes conjuntos de acervos do Arquivo Multimeios.

O Arquivo Multimeios do Centro Cultural São Paulo – CCSP, surgiu para ser um depositário das pesquisas e documentações produzidas pelos pesquisadores do Departamento de Informação e Documentação Artística – IDART, entre os anos de 1970 e 1990, que se pautou por trabalhar com a Arte Contemporânea nas áreas das artes cênicas (teatro, dança e circo), plásticas, gráficas, arquitetura, cinema, literatura, música, fotografia e comunicação de massa, que abarca as subáreas de televisão, rádio, imprensa, propaganda e publicidade. O Arquivo Multimeios é o responsável pelo tratamento técnico, armazenamento e manutenção do acervo em ambiente apropriado, possibilitando a sua disponibilização ao público.

O acervo audiovisual e sonoro contém alguns dos raros registros de produções teatrais, tais como: “UBU / Folias Physicas, Pataphysicas e Musicaes, “Isso devia ser proibido”, com Walmor Chagas e Cacilda Becker, e Espetáculos do grupo teatral União e Olho Vivo. Através das mesmas, podem-se reconstituir duas décadas do panorama artístico brasileiro da época, com as considerações dos mais relevantes personagens do cenário artístico e publicitário paulista e brasileiro.

Outros registros fazem parte do patrimônio: programas televisivos e registros de espetáculos de diversas áreas da arte contemporânea brasileira, perfazendo cerca de 51.450 minutos de programação televisiva. Boa parte desses registros são encontrados somente no Arquivo Multimeios, que agora poderão ser disponibilizados para pesquisa, preservando assim os formatos originais.

régua de logos (1)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *